Mural SPRGS - SPRGS

Ir para o conteúdo

(Des)patologização do ambiente escolar: (im)possibilidades

SPRGS
Publicado por em Eventos · 15 Abril 2022


Ponto de vista
(Des)patologização do ambiente escolar: (im)possibilidades

Com
Marcelo Henrique Frote e Raquel Dickel

29 de abril | sexta-feira | 19h30 às 21h
Atividade gratuita | Com certificado

Organização: Núcleo Litoral Norte

Inscrições on-line em: sympla.com.br/sprgs
Ou no local/hora do evento

Carga horária: 1h30min.
Eixo Temático: psicologia, pedagogia, contexto escolar, psicodiagnóstico, diagnóstico, psicofármacos.
Público-alvo: estudantes e profissionais de psicologia e de pedagogia, pais, professores e de filosofia, e público em geral.

Informações pelo atendimento on-line da secretaria:
secretaria@sprgs.org.br ou whatsapp 51-99527-3920 (em horário comercial)

Resumo: dialogar a partir da ótica desse campo de atuação, a fim de refletir sobre os possíveis efeitos no sujeito a partir de diagnósticos precoces. (Re)pensar a postura da instituição frente às demandas da infância, bem como nortear o manejo sobre os atravessamentos da escola e da família em relação ao infante.
Objetivos: pensar as questões subjetivas e intersubjetivas da infância, frente às dificuldades encontradas nesta etapa da vida, seja nas relações pessoais, interpessoais e ou familiares entre outras. Colocando em pauta diagnósticos precoces que poderão estigmatizar a criança, e consequentemente, lhe trazer prejuízos de diferentes naturezas.

- Marcelo Henrique Frote (CRP 07/32411): Graduado em psicologia pela Universidade Federal do Paraná. Atua como psicólogo na Secretaria Municipal de Educação de Torres/RS.

- Raquel Dickel (CRP 07/24577): Psicóloga Clínica, especialista em Psicoterapia de orientação psicanalítica (IPSI/Novo Hamburgo/RS). Pedagoga (UFSM), especialista em Estimulação Precoce (Centro Lydia Coriat/Porto Alegre). Conselheira Municipal de Saúde pela SPRGS-Núcleo de São Leopoldo, coordenadora da Comissão de Educação Permanente do CMS de São Leopoldo. Sócia efetiva e Coordenadora do Núcleo de São Leopoldo/gestão 2021-2022 da Sociedade de Psicologia do Rio Grande do Sul.

Referências:
  • Hutz, C. S., Bandeira, D. R., Trentini, C. M. & Krug, J. S. (2016). Psicodiagnóstico. Artmed Porto Alegre.
  • Winnicott, D. W. (1975). O Brincar & a Realidade. Rio de Janeiro. Imago.
  • Moreira, I. G.; Oliveira, R. F. dos S. (2016). A importância do trabalho do psicólogo no ambiente escolar: perspectivas da educação na atualidade. Psicologia e Saúde em Debate.
  • Malacrida, V. A. (2018). Neurociência, Poder e Subjetividade. Colloquium Humanarum, v. 15, n. 2, jul-dez, p.393-400.
  • Nascimento, R., Pedroso, J. da S.; Souza, A. M. Método de Rorschach na avaliação psicológica de crianças: uma revisão de literatura. Psico-USF (Impr.) vol.14 no.2 Itatiba May/Aug. 2009.
  • Souza, J. P. de. (2021). Medicalização de crianças e adolescentes: Diagnóstico de TDAH e a perspectiva dos trabalhadores da saúde da Baixada Santista.
  • Santos, G. da Silva; Toassa, G. (2021). Produzindo Medicalização: uma revisão bibliográfica sobre encaminhamentos da educação escolar à saúde. Psic. da Ed., São Paulo, 52, 1º sem. de 2021, pp. 54-63.


*As normas de distanciamento social e prevenção da Covid-19 serão seguidas.




Sprgs
Rua Felipe Neri, 414 conj 202 Auxiliadora
90440-150 Porto Alegre RS

51. 3331-8586
Whatsapp: 51. 99527.3920

Sociedade de Psicologia do Rio Grande do Sul
Voltar para o conteúdo