Introdução às Medidas Implícitas: conceitos, técnicas e contribuições

Autores

  • Valdiney V. Gouveia
  • Rebecca A. A. Athayde
  • Luis Augusto C. Mendes
  • Sandra E. A. Freire

Resumo

O uso de medidas implícitas tem apresentado um crescimento rápido em Psicologia. Um dos motivos para este fato é a capacidade de aferição de atitudes e construtos correlatos sem vieses deliberados, como a desejabilidade social. Apesar disso, pouco ainda é conhecido a respeito no Brasil. Este artigo objetiva introduzir algumas técnicas de mensuração implícita, indicando suas contribuições. Neste sentido, consideram-se inicialmente os conceitos principais e o histórico de sua utilização, focando nas técnicas de priming e associação implícita. Posteriormente, são discutidas as correlações entre as medidas explícitas e implícitas e a capacidade delas predizerem comportamentos. Em seguida, são listadas críticas sobre a mensuração, a confiabilidade e o uso das técnicas implícitas, com os argumentos em favor delas por parte daqueles que as utilizam. Por fim, são enfatizados o crescimento destas técnicas e o atual estado da arte correspondente, destacando suas contribuições às pesquisas nesta área.

Downloads

Publicado

2014-10-28

Edição

Seção

Artigos